O complemento do jogador profissional de futebol



Ao longo da última década, o futebol de topo está mais exigente do que nunca. O jogo tem vindo a evoluir, e como tal o jogador é obrigado a adaptar-se. Hoje em dia, um jogador de futebol não basta ser bom, numa determinada posição ou função, num determinado aspeto ou característica, tem que ser cada vez mais completo. Assim, o jogador vê-se obrigado a melhorar as dimensões onde é menos capaz, perceber a evolução do jogo e conseguir ajustar a sua forma de jogar. Isto enfatiza os métodos de treino como ferramentas capazes de elevar os jogadores para outros patamares e prepará-los para as exigências que terão pela frente.


De forma a conseguir extrair o maior rendimento, o jogador de alto rendimento tem três pontos chaves de um triângulo que devem estar equilibrados. São estes: a alimentação, descanso e o treino. Em regra geral, os atletas fazem um trabalho muito bom nos clubes, mas sentem que têm que fazer um trabalho extra, e trabalhar de forma individual para terem maior disponibilidade mental e física, e estarem mais e melhor preparados para o jogo. É como na escola, com os trabalhos de casa ou as explicações, consegue-se melhores resultados. Os atletas não podem ficar contentes por fazerem um bom jogo, têm de ver onde podem melhorar, até porque o futebol é, particularmente, uma questão de regularidade.


São cada vez mais os atletas que recorrem a treino personalizado extra clube. Através deste trabalho específico, como por exemplo com um Personal Trainer têm menor probabilidade de se lesionarem e maior longevidade na profissão. A parte do treino físico e de musculação sempre foi vista como aquela em que o jogador menos gosta de fazer, porque não tem bola. O talento é fundamental em todo o processo, os que não têm talento dificilmente vão progredir na carreira, mas cada vez mais os grandes jogadores jogam mais tempo. Dessa forma, as capacidades físicas são uma componente preponderante e o segredo para que o talento venha ao de cima nos jogos.


Enumero alguns campos que acho importante referir e mencionar, tais como: PT (Treinador Pessoal), Nutricionista, Treinador de Técnica Individual, Preparador Físico, Fisioterapeuta, Psicólogo, Coaching. Estes têm de ser vistos como um complemento do treino coletivo, é fazer um trabalho invisível, mas bem visível aos olhos de todos. Cada vez mais os atletas procuram este tipo de acompanhamentos fora do clube, de forma a estar no auge das suas capacidades.



O que são cada um destes serviços:


PT - O Personal Trainer é um profissional da área da Educação Física e caracteriza-se pela pessoa que prescreve um programa de treino individual, personalizado e que respeita a individualidade biológica. O Personal Trainer vai preparar e acompanhar os seus treinos, de forma a realizar os exercícios com segurança, para proporcionar um condicionamento adequado, com finalidade estética, de reabilitação, de treino ou de manutenção da saúde.


Nutricionista - O Nutricionista é o profissional de saúde que desenvolve funções de estudo, orientação e vigilância da alimentação e nutrição, quanto à sua adequação, qualidade e segurança, incluindo a avaliação do estado nutricional, tendo por objetivo a promoção da saúde e do bem-estar e a prevenção e tratamento da doença, de acordo com as respetivas regras científicas e técnicas.


Treinador de Técnica Individual – É um treinador que trabalha o desenvolvimento e potenciação da performance individual do jogador de futebol. Seguindo uma metodologia de treino específica e direcionada, visa única e exclusivamente a evolução das componentes técnicas, táticas coordenativas e mentais do jogador de futebol.


Preparador Físico - O preparador físico é um profissional que fornece orientação para melhorar o seu desempenho desportivo.


Fisioterapeuta - O fisioterapeuta é um profissional da área da saúde que avalia lesões de pacientes e, a partir de seu diagnóstico funcional ou fisioterapêutico, aplica e gere um tratamento utilizando meios físicos.


Psicólogo - O Psicólogo é um profissional graduado em Psicologia, em que se estuda uma série de teorias sobre porque as pessoas se comportam, da forma como se comportam e como é possível ajudá-las a superar suas dificuldades e/ou desenvolverem-se de algum modo.


Coaching - Trata-se de um processo que produz mudanças positivas e duradouras em um curto espaço de tempo de forma efetiva e acelerada. Coaching significa tirar um indivíduo de seu estado atual e levá-lo ao estado desejado de forma rápida e satisfatória. O processo de Coaching é uma oportunidade de visualização clara dos pontos individuais, de aumento da autoconfiança, de quebrar crenças limitantes, para que as pessoas possam conhecer e atingir o seu potencial máximo e alcançar as suas metas de forma objetiva e, principalmente, assertiva.



Cada clube tem a sua equipa multidisciplinar e apresenta imensos serviços para os atletas, mas muitas vezes estes preferem alguém da sua confiança. Complementos que cada clube, de forma a servir melhor os seus ativos e de lhes dar as melhores condições, deve proporcionar esses serviços. O importante aqui é existir comunicação e sintonia caso o jogador tenha estes serviços fora do clube. Porque são, sem dúvida, fatores diferenciadores e que procuram potenciar o profissional de futebol.


A relação com os clubes não é um mar de rosas, mas também já não é só espinhos. Há jogadores que informam os clubes e até levam avaliações e relatórios para os departamentos médico e físico estarem a par do que ele faz. Depois há clubes que sabem o que eles fazem, mas não querem saber. Outras vezes é o atleta que não quer revelar. Há de tudo um pouco. Essa comunicação é uma mais-valia para a evolução do atleta. Tem de haver mais abertura dos clubes para perceber que se os jogadores têm este tipo de trabalho é para ter melhor rendimento. E a situação ideal é mesmo o clube ter estes vários tipos de trabalho para potenciar os seus ativos.


É o jogador que joga o jogo, e temos de lhes proporcionar as melhores condições para aumentar a sua performance e prolonga-la no tempo e com isso, conseguir os melhores resultados possíveis, coletiva e individualmente.


“ O sucesso vem do trabalho, do espirito de sacrifício, da dedicação, resiliência e acima de tudo pela paixão pelo que se está a fazer.”

Redigido por Gonçalo Barbosa


Quem é o Gonçalo Barbosa?


Gonçalo Barbosa, é um PT e Treinador de Futebol, de 32 anos, actualmente a residir no Marco de Canaveses.


Realizou o curso de Educação Física e Desporto, no ISMAI.

Concluiu no ISMAI, a licenciatura e o Mestrado em Treino Desportivo, terminando os estudos em 2015.

Técnico de Exercício Físico, como tal, Treinador Pessoal, ou mais vulgarmente conhecido como Personal Trainer. Foi PT em vários ginásios: Penafiel, Paços de Ferreira, Lousada e Marco de Canaveses, onde trabalha actualmente, na Boxstar, um estúdio de treino personalizado no Estádio do Marco de Canaveses.

Possui o Curso de Treinador de Futebol UEFA B – Nível II.

Referente ao Futebol de Formação iniciou na Equipa Técnica dos Sub-19 do FC Penafiel, na altura na 2ª Divisão Nacional. Época seguinte, novo desafio, primeira aventura no futebol sénior, na ARC São Lourenço do Douro, onde foi adjunto da Equipa Sénior, e era Treinador Principal dos Sub-19 e dos Sub-17. O regresso ao FC Penafiel e à sua formação é o passo seguinte. De onde sai para voltar ao Marco de Canaveses e ter um ano muito preenchido, Treinador Adjunto da Equipa Sénior do FC Alpendorada, na altura na divisão de Honra, Treinador dos Sub-13 do FC Vila Boa do Bispo, e Treinador dos Sub-15 da AD Marco 09, na 1ªDivisão Distrital. Na AD Marco 09, no ano a seguir, é promovido a Treinador Principal dos Sub-19, na 1ª Dsitrital. O próximo passo leva-o a Treinador Adjunto da AD Lousada, na Divisão de Elite. A última época vai conhecer um novo campeonato e orientar os Sub-23 do GCD Vila Caiz. E esta época tem a sua primeira experiencia como Treinador Principal de uma Equipa Sénior, orientando o FC Vila Boa do Bispo, na 1ª Divisão Distrital.

Foi sempre tirando cursos e formações. Dos quais, no Mundo do Futebol, se podem destacar por exemplo: Analista, Observador, Scouting e Agente. E no mundo do Fitness e da Preparação Fisica: nutrição, treino funcional, prescrição de treino, gravidez, primeiros socorros, etc. Trabalhou ainda como Professor de Actividade Física, num centro de dia, CECAJUVI, em Baião.

Desde 2018, é comentador desportivo, na rádio Marcoense.

E é treinador de técnica individual de futebol, em Gaia, No IFT – Individual Football Training, desde 2020.

Tem 3 formações que gosta muito e lhe são importantes, é Formador de Tutores de Futebol, Formador de Formadores e Árbitro – Oficial de Mesa de Goalball.

Neste momento é um dos mais recentes colaboradores e escritores, do site, Pensar o Jogo.


Não te esqueças de assinar o nosso newsletter

Obrigado por se inscrever.